Acompanhando as ações de prevenção a saúde das pessoas privadas de liberdade dentro do Sistema Penitenciário e Prisional, a Cadeia Pública de Alhandra recebeu nesta quarta-feira (06) a ação de vacinação realizada pela Secretaria Municipal de Saúde, como parte da Campanha Nacional de Vacinação contra a influenza.

Por recomendação do Mistério da Saúde a segunda etapa da Campanha foi antecipada para os grupos de funcionários do sistema prisional, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos sob medidas socioeducativas e população privada de liberdade.

Essa antecipação aos profissionais do sistema prisional visa a prevenção de riscos à população privada de liberdade, haja vista que esses servidores podem ser vetores na disseminação do COVID-19.

Com a vacinação, todos ficarão  protegidos dos vírus gripais da influenza,  em circulação no Brasil, o que proporcionará mais segurança para todos.

 

 

O prefeito de Alhandra Renato Mendes reabriu a Unidade Básica de Saúde do Acais e fez a entrega de uma ambulância 0km para que auxilie no atendimento  e transporte de pacientes também das comunidades de Sobradinho e Subaúma. A reabertura da UBS ocorreu nesta quarta-feira (6), com todos os cuidados e medidas de proteção, seguindo as orientações para que sejam evitadas aglomerações.

Ao lado do vereador Cláudio Januário (Buga), o prefeito ressaltou que a ambulância foi adquirida com recursos próprios e ficará exclusiva para atender as localidades foi uma das solicitações do parlamentar.

“Hoje, realizamos a reabertura desse importante posto médico para a população de Acais e normalizamos seus atendimentos, após fazermos algumas readaptações, trazendo informatização. Essa Unidade chega em boa hora para ajudar na luta contra a Covid-19. Também estamos entregando uma ambulância definitiva que vai ficar aqui, à disposição das comunidades de Acais, Sobradinho e Subaúma. Aproveito para ressaltar o trabalho do vereador Cláudio Januário, que sempre está fazendo reivindicações e solicitando melhorias para a comunidade”, enfatiza o prefeito Renato.

De acordo com a Secretaria  de Saúde, a UBS está toda equipada, como todas as outras unidades de Alhandra, com consulta médica e de enfermagem, pré-natal, atendimento a pacientes patologias descompensadas (pressão arterial elevada, glicemia descompensada), além de atendimento e acompanhamento da população da localidade.

“A Unidade reabre com um diferencial que é uma ambulância exclusiva, o que vai facilitar e muito no transporte dos pacientes que precisem de remoção para o Pronto Atendimento do Hospital da cidade. Como estamos em tempos de pandemia, alguns serviços serão reduzidos para que não haja a contaminação das pessoas, devido às aglomerações, mas os atendimentos serão diários, feitos com muito profissionalismo e humanização”, explica o prefeito.

 

Como medida de enfrentamento ao novo Coronavírus (Covid-19), a Prefeitura de Alhandra, por meio da Secretaria de Saúde, deu início a Barreira Sanitária nesta quarta-feira (06), que tem por objetivo educar e monitorar a população a respeito dos sintomas da doença. A ação teve início em dois pontos da cidade, sendo um na ladeira do Salgadinho e outra na Rua da Palha. Conforme a secretária de Saúde, Albarina Kelly, o distrito de Mata Redonda também terá a atuação da barreira sanitária.

A ação é integrada por equipes da Vigilância Sanitária, Coordenação de Epidemiologia, Guarda Municipal e Polícia Militar. O objetivo é verificar o quadro de saúde das pessoas autorizadas a entrar no município, através de rápida entrevista e verificação de temperatura, além de desinfecção nos veículos com pulverizador.

Dessa forma, motoristas e passageiros só poderão entrar no município, após passarem por uma triagem das equipes de Saúde.  As barreira sanitárias não limitam ou proíbem as pessoas de ir e vir, isso acontece apenas em casos que sejam identificados algum usuário suspeito da Covid-19.

Ampliação da fiscalização em comércios e filas de bancos ou similares

Outra ação que foi intensificada nesta quarta-feira (06) tem por objetivo fiscalizar pontos comerciais em toda cidade de Alhandra. Os responsáveis pelas diligências são a guarda municipal, Polícia Militar, vigilância sanitária e fiscais de tributos.

A operação acontece em atenção ao Decreto Estadual que orienta a abertura dos pontos comerciais que vendem produtos essenciais, como supermercados, farmácias, oficinas, bancos, padarias, casas lotéricas e postos de combustíveis, tendo em vista a proteção dos cidadãos municipais.

Os estabelecimentos com permissão para funcionar deverão cumprir todas as recomendações de prevenção e controle para o enfrentamento da covid-19 estabelecidas pelas autoridades sanitárias, ficando obrigados também a fornecer máscaras para todos os seus empregados, prestadores de serviço e colaboradores.

Além disso, eles também terão que evitar a entrada e a permanência no interior das suas dependências de pessoas que não estejam usando máscaras de proteção facial, que poderão ser de fabricação artesanal ou caseira.

A gestão municipal também está organizando as filas de clientes no Banco do Brasil e Casa Lotérica. O objetivo é organizar o acesso da população a esses estabelecimentos, evitando a aproximação entre clientes durante a espera pelo atendimento.

 

 

As ações de enfrentamento a pandemia do Coronavírus continuam sendo intensificadas em Alhandra. E uma das medidas adotadas pela Secretaria de Saúde Municipal é o controle da chegada de pessoas à cidade, por meio de barreiras sanitárias. O objetivo é verificar o quadro de saúde das pessoas autorizadas a entrar no município, através de rápida entrevista e verificação de temperatura. Essa operação será realizada por profissionais da Saúde e Segurança a partir desta quarta-feira (06).

Dessa forma, motoristas e passageiros só poderão entrar no município, após passarem por uma triagem das equipes de Saúde, que terão apoio da Polícia Militar e Guarda Municipal.  As barreira sanitárias não limitam ou proíbem as pessoas de ir e vir, isso acontece apenas em casos que sejam identificados algum usuário suspeito da Covid-19.

Conforme a secretária de Saúde, Albarina Kelly, duas equipes estarão de prontidão, sendo uma na ladeira do Salgadinho e outra na Rua da Palha.

“O intuito da barreira sanitária é orientar e fazer a triagem para identificação. Se alguém apresentar quadro semelhante ao da COVID-19, principalmente febre, o nome será anotado, além do destino, será feita a orientação para isolamento e a equipe da Secretaria de Saúde doará mascará imediatamente e realizará o monitoramento dos moradores. No caso de visitantes, será notificado ao município de destino”, explica a secretária.

A Secretaria também planeja realizar higienização dos veículos, com produtos desinfetantes.

O município está com plano de contingência e enfrentamento ao coronavírus em funcionamento.  Além das equipes de saúde capacitadas para atendimento de casos suspeitos e coleta de material para exames, a Prefeitura criou o “Plantão Coronavírus” para dúvidas e orientações. A população de Alhandra também conta com o serviço “Teleconsulta” em que uma equipe da Saúde acompanha casos e realiza a visita em domicílio do paciente para fazer a triagem atendendo ao protocolo exclusivo do município, os dois serviços podem ser acionados pelo número 83 9 9167-5629 (whatsapp).

“Também estamos garantindo aos nossos profissionais de saúde a segurança necessária para que o atendimento aos moradores seja realizado de acordo com todos os padrões de higiene e segurança. São essas e outras diversas ações que estamos realizando no município, tendo a orientação e apoio do prefeito Renato Mendes”, disse Albarina.

Casos de Coronavírus em Alhandra

Nesta segunda-feira (04), a Secretaria de Saúde notificou 79 pacientes que apresentam síndrome gripal, através dos estabelecimentos de saúde do município, destes, 30 encontra-se em isolamento domiciliar, monitorados pelos profissionais das Unidades Básicas de Saúde e Vigilância Epidemiológica. Sendo ainda 1 caso suspeito, 3 descartados, 2 recuperados, 8 confirmados e 2 óbitos.

 

A Prefeitura de Alhandra confirmou nesta quinta-feira (29), o primeiro óbito por Coronavírus de uma moradora da cidade que estava internada há três meses em João Pessoa. Outros dois homens de 56 anos testaram positivo e estão sendo acompanhados pela Saúde Municipal. 

O prefeito Renato Mendes faz questão de ressaltar a importância do isolamento social e que todas as medidas contra a propagação do vírus estão sendo tomadas pela gestão.

Equipes de saúde de Alhandra passaram por treinamentos e estão capacitadas tanto para a coleta dos exames da Covid-19 quanto para os procedimentos de isolamento que evitam demais contaminações. “Estamos tomando todas as medidas para que o povo de Alhandra continue protegido desse vírus. Implantamos até uma central de informações para tirar todas as dúvidas da população e orientar os pacientes com sintomas suspeitos, o Plantão Coronavírus. Mesmo assim, pedimos encarecidamente a todos que fiquem em suas casas para que juntos possamos vencer mais essa batalha. Precisamos evitar a disseminação desse vírus e manter o isolamento social”, ressalta o prefeito Renato.

O “Plantão Coronavírus” atende a população de Alhandra por meio do telefone (83) 9 9167-5629. Esse número também pode ser utilizado para troca de mensagens pelo WhatsApp ou pelo e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo..

Confira Boletim:
Informamos que até está quinta (30), a Secretaria de Saúde notificou 72 pacientes que apresentam síndrome gripal, através dos estabelecimentos de saúde do município, destes, 28 encontram-se em isolamento domiciliar, monitorados pelos profissionais das Unidades Básicas de Saúde e Vigilância Epidemiológica. 

Sobre os novos casos (2 pacientes) confirmados:

Homens com idades de 56 anos, residentes na cidade de Alhandra, ambos testaram positivo através de teste rápido, e seguem acompanhados pelas Unidades Básicas de Saúde em isolamento domiciliar. 

Óbito: Mulher, idosa de 61 anos, residente na cidade de Alhandra, hipertensa, com sequelas neurológicas e diabética. Encontrava-se internada há mais de 3 meses em hospital público de João Pessoa.

Sub-categorias

PLANTÃO CORONAVÍRUS NO WHATSAPP

PHOTO 2020 05 06 22 41 29