BEM ESTAR SOCIAL

A comissão eleitoral do processo seletivo para Conselheiro Tutelar de Alhandra, gestão 2020-2023, divulgou nesta segunda-feira (01/07), a análise de documentos apresentados com a relação dos candidatos deferidos e também com prazo para recurso.

O Presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente CMDDCA de Alhandra-PB, JANDER ROCHA DE OLIVEIRA, informou que o prazo para recurso é de 01/07/2019 a 03/07/2019.

O processo seletivo e a eleição são de responsabilidade do CMDCA municipal, sob a fiscalização do Ministério Público.

Os membros do Conselho Tutelar local serão escolhidos mediante o sufrágio universal, direto, secreto e facultativo dos eleitores do município de Alhandra, em data de 06 de outubro de 2019, sendo que a posse dos eleitos e seus respectivos suplentes ocorrerá em data de 10 de janeiro de 2020;

Após análise foram deferidas dezesseis candidaturas, conforme relação a seguir, com os respectivos números de votação:

01-ISSAK WYKRE CANUTO GOMES;

02-ADINÉLIA DE ANDRADE PACHECO;

03-ROSENILDA MENDES RODRIGUES;

04-REGENILDO LOPES DE SOUZA;

05-EDCÁCIA ARAÚJO DOS NASCIMENTO;

06-JOSEANE MARIA DA SILVA;

07-RIRLENE RODRIGUES DOS SANTOS;

08-GENILDA BEZERRA DA SILVA;

09-JOSÉ CARLOS BEZERRA DA SILVA;

10-MARIA DE FÁTIMA BEZERRA DE BARROS;

11-JORDIR MÁRCIO NUNES DOS SANTOS;

12-VANESSA SILVA DA ROCHA;

13-JONATHAN RODRIGUES DE SOUZA;

14-ALDENEIDE CAVALCANTE RANGEL DOS SANTOS;

15-EDILZA MARIA DOS SANTOS;

16-ALETISANDRA DOMINGOS DE LIMA.

Os candidatos indeferidos poderão apresentar recurso 01/07/2019 a 03/07/2019, na sede da Secretaria Municipal de Ação Social Cidadania e Habitação (SEMAS), das 08h às 12h, com endereço na Avenida:  Elias Uchoa, Centro, Alhandra. Devidamente fundamentado e acompanhado de provas, se for o caso.

O edital pode ser acessada no link abaixo ou diretamente no CMDA.

 

Forró, dança, comidas típicas e muita diversão são ingredientes fundamentais para uma boa festa junina. A Secretaria Municipal de Ação Social, Cidadania e Habitação (Semas) contribuiu para que isso acontecesse e para que a tradição permaneça viva em Alhandra, ao realizar o seu Arraiá com uma grande festa na tarde desta quarta-feira (19), no ginásio “O Wilsão”.

Proporcionando a integração, o evento contou com a participação dos idosos que fazem parte dos programas sociais e serviços disponibilizados pela Prefeitura Municipal de Alhandra.

As equipes do Creas, Cras, SCFV, Conselho Tutelar, Criança Feliz e Bolsa Família, se desdobraram para promover um arraiá inesquecível, tudo organizado sob a coordenação da secretária de Ação Social, Fabiana Lins.

“É importante incentivar esse vínculo com a comunidade através da cultura e lazer. Conscientizar e sensibilizar a população é o que nos motiva para que esses queridos idosos e idosas continuem frequentando os grupos e assim despertar esse interesse”, disse Fabiana.

Durante o evento houve diversas brincadeiras, muitas comidas típicas e ainda forró pé de serra com Sabiá Forrozeiro e apresentação da junina Bem-te-vi que encantou a todos os presentes.

“A gestão do prefeito Renato Mendes respeita os idosos e promove diversas ações para os mesmos. Quero parabenizar toda equipe da Secretaria de Ação Social pelo empenho na realização deste evento que foi um sucesso”, ressaltou a secretária.

 

Foi encerrada nesta quinta-feira (30) a extensa programação que mobilizou, por meio da Secretaria de Ação Social da cidade de Alhandra, as equipes do Creas, Cras, SCFV, Programa Bolsa Família e Criança Feliz, além do Conselho Tutelar, neste mês de Maio na Campanha de Combate ao Abuso e Exploração sexual de crianças e adolescentes.

Durante o mês foram realizadas visitas com palestras nas escolas municipais e estaduais conscientizando os alunos sobre o tema 18 de maio; reunião com os pais dos alunos; divulgação na rádio comunitária e panfletagem na feira livre. A mensagem repassada foi sobre o alerta que todos devem ter sobre o cuidado com crianças e adolescentes visando sensibilizar a comunidade e chamar a atenção para essa importante campanha.

No encerramento que aconteceu hoje no ginásio da escola Zélia Correia do Ó, o destaque ficou para a palestra da delegada da mulher, Renata Matias e também a participação das escolas com apresentações referentes ao tema.

A coordenadora do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), Joana Darc, lembrou que foram realizadas reuniões nas escolas estaduais Renato Ribeiro Coutinho, Barão do Abiaí, Antônio Camelo, bem como nas escolas do Município, a exemplo da Zélia Correia do Ó, Alfredo José de Carvalho. Além de realizar ações em Mata Redonda e Pit Stop com adesivagem na principal de Alhandra. 

Joana Darc agradeceu a parceria com as escolas e a presença de alunos, professores e diretores que participaram da campanha e também do encerramento.

“O Creas como órgão responsável em acolher e acompanhar todas as crianças e adolescentes vitimas de violação de direitos, busca construir estratégias e concretizar através de ações que mobilizem toda população em prol desta causa com objetivo de extinguir esta prática criminosa e nossas crianças e adolescentes venham a ser respeitados. Agradeço a nossa secretária de Ação Social a competente Fabiana Lins e ao prefeito Renato Mendes por todo apoio a esta campanha”, disse Joana.

Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes

18 de maio é o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual Infantil (Lei 9.970/00). Esta data foi escolhida em virtude do crime cometido contra Araceli, uma menina de apenas 8 anos de idade, abusada sexualmente e brutalmente assassinada em 18 de maio de 1973.

O dia 18 de maio é uma data marcada pelo Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. A Prefeitura Municipal de Alhandra, por meio da Secretaria de Ação Social, Creas, Cras, SCFV, Programa Bolsa Família e Criança Feliz, além do Conselho Tutelar, iniciaram uma extensa programação no município, colocando em prática o projeto preventivo que tem como perspectiva nortear as atividades em alusão ao dia 18 de maio.

Segundo a coordenadora do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), Joana Darc, diante das constantes violações de direitos desse público, é necessária a mobilização para conscientizar a todos sobre o mandamento constitucional que é dever da família, da sociedade e do Estado, assegurar à criança, ao adolescente e ao jovem, absoluta prioridade a proteção integral.“O Creas como órgão responsável em acolher e acompanhar todas as crianças e adolescentes vitimas de violação de direitos, busca construir estratégias e concretizar através de ações que mobilizem toda população em prol desta causa com objetivo de extinguir esta prática criminosa e nossas crianças e adolescentes venham a ser respeitados”, disse Joana.

Com vistas à finalidade de prevenção e conscientização, estão sendo realizadas ações com enfoque nesta temática que promovem a divulgação de serviços, informação e reflexão sobre este tipo especifico de violação de direitos. Os trabalhos desenvolvidos durante todo mês de maio, serão os seguintes:

Visitas com palestras nas escolas municipais e estaduais conscientizando os alunos sobre o tema 18 de maio; reunião com os pais dos alunos; divulgação na rádio comunitária e panfletagem na feira livre.

A secretária de Ação Social Fabiana Lins, destaca que a mobilização social é um mecanismo fundamental para conscientizar a população, sobre a importância da participação de todos os seguimentos nessa luta. “Unindo forças em defesa dos direitos de crianças e adolescentes é que iremos reforçar o projeto de combate ao abuso e exploração sexual”, pontuou Fabiana Lins.

 

O processo unificado para a seleção de membros do Conselho Tutelar, promovido pelo Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Alhandra (CMDCA), em parceria com a Prefeitura Municipal e Secretaria de Bem Estar Social, abre inscrições no próximo dia 06 de maio e segue até 31 deste mês.

Para efetuar a inscrição é necessário ter mais de 21 anos de idade; residir em Alhandra no mínimo há dois anos; ter Ensino fundamental Completo; ter experiência de no mínimo dois anos de trabalho direto com criança e adolescente, entre outros.

As inscrições devem ser realizadas na sede da Secretaria Municipal de Ação Social Cidadania e Habitação (SEMAS), das 08h às 12h, de segunda a quinta-feira, com endereço na Avenida:  Elias Uchoa, Centro, Alhandra.

O processo seletivo e a eleição são de responsabilidade do CMDCA municipal, sob a fiscalização do Ministério Público.

Os membros do Conselho Tutelar local serão escolhidos mediante o sufrágio universal, direto, secreto e facultativo dos eleitores do município de Alhandra, em data de 06 de outubro de 2019, sendo que a posse dos eleitos e seus respectivos suplentes ocorrerá em data de 10 de janeiro de 2020;

Serão cinco membros titulares e seus respectivos suplentes para compor as vagas para o quadriênio 2020/2023

A remuneração mensal para os conselheiros é de: R$: 1.100,00 (Hum mil e cem reais); com base no Plano de Cargos, Salários e Vencimentos dos servidores municipais.

O presidente do CMDCA, Jander Rocha, reforça aos interessados que pretendem se candidatar ao cargo, que precisam estar cientes do compromisso e responsabilidade que a função exige. “Demanda dedicação 24 horas. Ser conselheiro é ser articulador e fiscalizador do cumprimento da política de atendimento à criança e adolescente”, disse.

No ato da inscrição, os interessados deverão apresentar requerimento preenchido, juntamente com duas cópias originais de documentos obrigatórios.

A candidatura será avaliada por uma comissão composta por conselheiros do CMDCA e representantes do Poder Público e da sociedade. A relação nominal das inscrições deferidas será publicada no Diário Oficial do Município.

Conforme orientação do Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente (Conanda), a votação a partir deste ano de 2019 para escolha do conselheiro tutelar será de forma individual (em apenas um candidato), e não mais como nas eleições passadas onde cada eleitor poderia votar em cinco candidatos de uma vez.

É necessário que o candidato leia o edital completo, onde constam todas as informações e o requerimento  de inscrições preenchidos CLICANDO AQUI ou na sede do CMDCA.