Com o propósito de ajudar a sobrevivência do Hospital Napoleão Laureano, especializado e referenciado no tratamento do câncer, o prefeito de Alhandra, Renato Mendes, entrou na “onda de Solidariedade” e assinou nesta terça-feira (17) o convênio que viabilizará repasses mensais do município para a unidade hospitalar, cujo apoio financeiro a ser repassado será de R$ 5 mil mensais, através de um projeto encaminhado pela Prefeitura e que foi aprovado pela Câmara Municipal de Alhandra.

Para o prefeito, Renato Mendes, ajudar ao Laureano é, indiretamente, investir na saúde do município, pois o Hospital é o único da Paraíba a atender pacientes com câncer, sendo referência não só na Paraíba, mas em toda região Nordeste.

“Mais uma vez Deus está me usando para ajudar os que mais precisam. Não poderíamos deixar de dar as mãos a uma instituição com a força e credibilidade que esse hospital tem. É uma honra contribuir com a continuidade desse trabalho tão importante para aqueles que são acometidos pela doença e não têm condições de financiar um tratamento. O Laureano recebe pacientes dos 223 municípios da Paraíba e todos os gestores devem reconhecer a importância de manter suas portas abertas”, declarou o prefeito Renato.

Para o presidente da Fundação, a solidariedade dos prefeitos representa um suporte importante para a manutenção do hospital.

“Estamos muito gratos com as manifestações dos prefeitos, que demonstram reconhecimento pelo trabalho realizado pelo Napoleão Laureano ao longo de mais de meio século. Agradecemos ao amigo prefeito Renato Mendes por aderir a essa onda de solidariedade que vem gerando bons resultados”, agradeceu o presidente da Fundação Napoleão Laureano, Antônio Carneiro Arnaud.

O procurador do município de Alhandra, Thiago Sobral, também esteve acompanhando o prefeito durante a assinatura, além dos demais diretores do Hospital.

O Hospital Napoleão Laureano disponibiliza atendimento de média e alta complexidade oncológico e é o maior centro de combate ao câncer na Paraíba, acolhendo pacientes do Sistema Único de Saúde.