A comemoração natalina é marcada pela união e pelo fortalecimento das relações sociais. Foi com esse pensamento que a Secretaria de Bem Estar Social de Alhandra, através do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV), da Prefeitura Municipal, promoveu nos dias 11 e 12 a festa de encerramento das atividades e também a confraternização de fim de ano com grupos de idosos que frequentam o Serviço de Convivência.

Na segunda-feira (11) cerca de 80 idosos de Subaúma e Mata Redonda foram recepcionados com uma grande festa, tendo diversas atividades, café da manhã e almoço especial.

Já nesta terça-feira (12) foi a vez do grupo com cerca de 90 idosos de Alhandra participar do evento com café da manhã e também almoço para os presentes.

Para a secretária Fabiana Lins as ações do SCFV foram de fundamental importância durante todo ano de 2017 e fez muita diferença na vida dos idosos participantes dos serviços oferecidos.  “Este é o nosso compromisso do prefeito Renato Mendes: estar perto da comunidade, das famílias, das nossas crianças, adolescentes e idosos. É recompensador ver o sorriso e a alegria de cada um. O sucesso do evento, bem como a de todo o trabalho, se deve às pessoas que se dedicam diariamente e fazem a diferença no dia a dia das pessoas”, destacou Fabiana Lins.

O coordenador do Serviço de Convivência, Jander Rocha, destacou as conquistas de 2017 e reafirmou que 2018 será ainda melhor. “Estamos concluindo os trabalhos de 2017 e é com muito orgulho que vemos o quanto cada um cresceu e se desenvolveu neste período, principalmente com relação à autoestima, socialização e vida comunitária, oportunizando novas amizades e troca de experiências cotidianas. Nosso trabalho continuará em 2018 e esperamos contar com a presença de todos”, disse Jander.

O Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos realiza trabalhos em grupos que, organizados por faixa etária, tem como objetivo prevenir possíveis situações de risco da população em geral, como a institucionalização e a segregação de crianças, adolescentes, jovens, mulheres e idosos, oportunizando o acesso às informações sobre direitos e participação cidadã, visando a melhoria da qualidade de vida.